Tímidos sofrem com o sentimento de culpa. Sofremos esse mal e diminui-lo ou fazer com que suma é quase que uma missão impossível. O ruim de conviver com ele é tentar não cair na armadilha das demais pessoas. Essa sua fraqueza permite que as pessoas opostas explorem isso e ainda subam, usando você como degrau.
Tímidos sofrem com o sentimento de culpa. Sofremos esse mal e diminui-lo ou fazer com que suma é quase que uma missão impossível.

O ruim de conviver com ele é tentar não cair na armadilha das demais pessoas. Essa sua fraqueza permite que as pessoas opostas explorem isso e ainda subam, usando você como degrau.

Se todas a culpa surgisse de alguma situação prática, talvez fosse mais fácil para lidar ou acompanhar. Sabemos que não é assim que funciona. Nossa mente gosta de preparar artimanhas e junto a isso coloque os má-intencionados e pronto você está em uma situação sem saída. 

Seus falsos amigos se aproveitam do sentimento de culpa que te aflige

Os falsos amigos são reis para agir assim com você. Tudo que contrariar a ideia que eles tiverem em mente, darão um jeito de estourar isso na sua cara.

Lembro da época em que eu fazia natação. Foi e é uma das atividades mais marcantes de minha vida e fazia parte de mim estar lá nos treinos e competições. Certos amigos não entendiam que eu não poderia ficar de vadiagem em uma escola (que eu detestava, mas aturava por eles) até certo horário, pois eu precisava sair para ir ao treino.

Faziam pouco caso e sempre eu ficava com a sensação que eu estava fazendo algo errado. Várias vezes eu me sentia culpada por estar saindo e não aproveitando o resto do dia como eles. Gostaria que essa reação, esse comportamento deles fosse simplesmente pela minha companhia, infelizmente não era. 

As pessoas não pensam em você até que os problemas e situações delas estejam resolvidos. A culpa surge através de várias situações.

A sensação de estar sendo injusto

Seria bom se o sentimento de culpa viesse apenas através do certo ou errado, mas ele vem de lugares mais profundos. Até mesmo quando tento contar algo aqui sobre alguma situação vivida, mesmo sem nem citar nomes eu acabo me sentindo mal e culpada por expor a situação.

Não gosto de injustiças e é capaz de algum julgamento meu ser insensível ou injusto... Ou é isso que a culpa me faz pensar. 

O sentimento de culpa domina até mesmo um simples desabafo meu. Queremos menosprezar nossos sentimentos devido ao que deixamos nos atingir. Ao ler ou assistir pela mídia ou ouvir das pessoas diferentes (e maioria) de nós que esse comportamento não é digno acabamos por acreditar que devemos apenas aceitar.

Uma coisa é você se sentir culpado por mentir para seus pais, colar em uma prova, a outra é pela sua personalidade. 

Não está certo e não deveriam incentivar isso. Um dia irei ler isso com mais calma, talvez junte mais argumentos coerentes e consiga expressar melhor o que a culpa pode fazer conosco.

Mas se você percebeu um pouquinho disso que comentei, você já sente na pele o estrago que ela causa. E lembre-se que a culpa só atrapalha mesmo a quem sofre dela. Não vamos confundir com a ética e moral, e sim com a sua felicidade e bem-estar.
Axact

Dani Fuller

Idealizadora do blog, é tímida e introvertida e em 2012 iniciou a mudança radical de mentalidade que permitiu iniciar sua própria revolução do "Ser eu Mesmo". Seu objetivo é ajudar o maior número de tímidos possíveis a também conquistarem sua independência metal e aprenderem que é possível amar seu jeito único de ser.

Qual sua opinião sobre isso?

1 comments:

  1. Tenso. lembrei também da época da escola e das coisas que as pessoas me questionavam. por quererem uma explicação para o meu modo de agir ou ser. se bem que até hoje me perguntam...

    ResponderExcluir